Aumentativo e Diminutivo

Aumentativo e DiminutivoMuitas vezes, para mostrar como as coisas realmente são temos que usar as palavras adequadamente, ou seja, para mostrar se são grandes ou pequenas demais, temos que usar o termo certo, aí as palavras modificam um pouco, mas fica bem mais fácil de entender. Nesses casos o que usamos são os aumentativos, para tudo que é muito grande e os diminutivos, para o que é muito pequeno.

Vamos pensar em alguns exemplos:

Se você quer mostrar como seu amigo é importante para você, poderá chamá-lo de amigão, pois quer dizer que ele é muito mais que um amigo!

Se você chega em casa e não está com muita fome, não adianta sua mãe preparar um lanche, pois pode sobrar, mas ela pode preparar um lanchinho.

Vamos ver como funciona a construção dessas palavras:

Existem aumentativos que são regulares, e são fácies de falar pois basta acrescentar o ão ou zão, olhe só como fica:

lápis               lapisão

lobo                lobão

menino           meninão

pé                   pezão

Há também os irregulares, que não seguem uma regra única,  é o caso de:

muro               muralha

nariz                narigão

navio             naviarra

ouro                ourama

O mesmo acontece com os diminutivos... Há os que são regulares, em que basta acrescentar a terminação inho ou zinho, veja só:

aula                aulinha

boné               bonezinho

caneca           canequinha

casa                casinha

E os irregulares que não tem regras definidas, como por exemplo:

farol                farolete

fio                   filete

gordo             gorducho

gota                gotícula

Podemos expressar como as coisas são grandes ou pequenas usando expressões específicas, tais como: alegria enorme, dor imensa, rato minúsculo, brinquedo pequenino.

Agora é com você... Veja se você lembra tudo sobre aumentativos e diminutivos, através de nossas atividades!

Curiosidade

Alguns aumentativos e diminutivos soam bem estranho ao falarmos, mas pode ter certeza que é a forma certa, quer ver?

O aumentativo de dente pode ser dentola ou dentão; de fogo pode ser fogaréu ou fogacho e de ladrão pode ser ladravaz ou ladraço.

O diminutivo de corpo pode ser corpete; de galo, galispo e de monte, montículo. 


Dicas de sala de aula