Peixes

Peixes

Sabia que todo peixe vive na água, mas nem tudo que vive na água é peixe? É isso mesmo… Baleias, por exemplo, estão na água, mas não são peixes.

Então, como distinguir os peixes entre os demais animais aquáticos? Muito fácil!

É só observar essas características: corpo achatado lateralmente e alongado que favorece o deslocamento na água, presença de nadadeiras - estruturas de locomoção específica de ambientes aquáticos, corpo geralmente coberto por escamas lisas, que diminuem o atrito com a água enquanto o animal se desloca, pele com glândulas produtoras de muco, que contribui para diminuir o atrito com a água e musculatura do tronco segmentada, o que permite a realização de movimentos ondulatórios.

Pesquisas mostram que os peixes tenham surgido no planeta há 45 milhões de anos atrás e atualmente ocupam as águas salgadas dos mares e oceanos e as águas doces dos rios, lagos e açudes.

Como exemplos de peixes temos: tubarão, baiacu, peixe-elétrico, baiacu e o betta, que é o pequeno peixe ornamental de aquário, com sua linda cauda.

**- Baiacu
- Peixe Elétrico
- Tipos de Tubarão
- Tubarão
- Tubarão Baleia

O Sono do Peixes

Na verdade, os peixes não dormem. Pelo menos, não como nós imaginamos. Os peixes alteram períodos em que estão de vigília e períodos que estão em repouso.

No período de repouso, eles ficam parados no mesmo lugar e com movimentos bem lentos para manter o equilíbrio. Ou seja, eles não dormem como nós, na cama, de olhinhos fechados, em baixo das cobertas, sonhando…

Essa conversa de ficar a vida inteira sem dormir está me dando um sono. ZZZZZzzzzzzz…..