10 Curiosidades sobre a Copa de 1994

O Mundial dos Estados Unidos não contou com a presença de nenhuma equipe do Reino Unido.

Um acidente aéreo matou 17 jogadores e a comissão técnica da seleção da Zâmbia durante as Eliminatórias Africanas. Atuando com o time júnior, a equipe só foi eliminada no último jogo.

O atacante brasileiro Ronaldo foi o jogador mais novo a ser convocado para disputar o Mundial. Estava com 17 anos, assim como Pelé em 1958. Mas o jogador não jogou nenhuma partida na competição.

O alvo das críticas pela péssima atuação do Brasil na Copa de 90, Dunga, foi peça fundamental no esquema do técnico Parreira.

A Suécia sempre apareceu no caminho do Brasil. Assim como em 1938 e 1962, a equipe de Parreira foi adversário na primeira fase e nas semifinais.

Os jogos da copa dos EUA tiveram a maior média de público na história do Mundial, com 68.991. A marca anterior é do Mundial de 50, com 60.772 torcedores.

Com seis gols anotados, o atacante russo Salenko conquistou a artilharia do Mundial. Os tentos foram anotados em apenas dois jogos.

Nenhum dos 15 pênaltis que foi marcado pelos árbitros ao longo da competição foi desperdiçado.

A Bulgária nunca havia vencido uma partida em Copa do Mundo. Nos Estados Unidos conseguiu espantar o fantasma e chegou a disputar a decisão do terceiro lugar.

O atacante brasileiro Ronaldo foi o jogador mais novo a ser convocado para disputar o Mundial. Estava com 17 anos, assim como Pelé em 1958. Mas o jogador não jogou nenhuma partida na competição.

Compartilhar: