10 Curiosidades sobre a Copa de 1978

10 Curiosidades sobre a Copa de 1978

 O atacante brasileiro Jorge Mendonça deve ter feito o aquecimento mais demorado em uma Copa do Mundo. No jogo contra a Espanha, o técnico mandou o jogador se preparar no início do segundo tempo, mas o atleta só entrou aos 38 minutos.

Durante o jogo da final entre Argentina e Holanda, um torcedor argentino sofreu um ataque cardíaco. O acontecimento ocorreu no último do tempo regulamentar, quando Rensenbrink chutou a bola na trave de Fillol.

 O milésimo gol da história das Copas foi marcado no Mundial da Argentina. O autor foi o holandês Resembrink, através de uma cobrança de pênalti. O carrossel holandês acabou sendo derrotado pela Escócia por 3 a 2, na primeira fase.

A primeira partida do Brasil foi contra a Suécia e terminou empatada em 1 a 1. O resultado poderia ter sido melhor se o árbitro Clive de Thomas não encerrasse o jogo durante a cobrança de escanteio que acabou com um gol de Zico.

 O gramado do estádio Monumental, palco da abertura e do encerramento, teve problemas um pouco antes do início do torneio. Faltava água em Buenos Aires e a solução foi buscar água do mar para regar a grama que chegou a ficar queimada.

O primeiro jogo da Copa, envolvendo Alemanha e Polônia, terminou empatado sem gols. O mesmo ocorreu em 1966, 1970 e 1974.

 “Caímos de pé”, foi a frase do goleiro Quiroga, do Peru, depois da sua equipe ter perdido por 6 a 0 para os donos da casa e o que eliminou o Brasil. Detalhe: Quiroga nasceu na Argentina e é naturalizado peruano.

 O Brasil teve que se deslocar mais de quatro mil quilômetros para fazer suas sete partidas, enquanto que a seleção argentina percorreu um pouco mais 600 para disputar o mesmo número de partidas.

Somente quatro dos 22 jogadores do elenco do Brasil disputaram todos os jogos da Copa sem serem substituídos (Amaral, Batista, Leão e Oscar).

O jornal inglês “Sunday Times” publicou durante a Copa que os argentinos haviam contratado um homem para fazer o exame antidoping no lugar dos jogadores.

Compartilhar: